segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Família; OÁSIS ou ARENA? - parte 1



"FAMÍLIA: OÁSIS ou ARENA?"
Essa semana teremos uma série de postagens sobre Problemas Familiares
~*~Curta nossa Página https://www.facebook.com/Amor.Magia.Destino e Opte por Receber Notificações~*~

Quem não enfrenta ou enfrentou problemas de família nesta vida?
Os conflitos de ordem domésticas são o que de pior uma pessoa pode experimentar pois minam diretamente a fonte de reabastecimento energético principal de qualquer indivíduo: o Lar.

SE o local onde a pessoa deveria encontrar segurança, apoio, nutrição emocional, que deveria ser o local onde os horrores, a frieza, a dureza, as exigências para sobrevivência do dia-dia do mundo atual, falha em proporcionar isso a ela porque está contaminado, temos soldados que jamais descansam na batalha, e se tornam zumbis da vida, incapazes de enfrentar a guerra que é a jornada nesse mundo com otimismo e garra, pois estão tão defasadas energeticamente que não caminham, se arrastam pela vida, esgotados e perdidos!

Outras pessoas, de características mais guerreiras, se esforçam além do que podem e seguem dando aquilo que não tem para tentar chegar a uma posição melhor, muitas vezes não conseguem porque sem referências não são capazes de reconhecer o bom, o normal, o tranquilo.
Estão tão acostumadas ao sacrifício que os Oásis lhes parecem irreais e elas passam por eles sem parar, pois tudo parece vão, fútil e perda de tempo, quando tudo o que importa é encontrar a tão sonhada Paz Definitiva.

Alguns buscam a independência financeira de forma equivocada, que lhe gerará ainda mais escravidão, a curto, médio E longo prazo. Outras buscam escapar de um lar abusivo em relacionamentos não muito melhores e quando derem por si estarão  enredadas em outra situação familiar muito semelhante àquela da qual tentou fugir e vivenciando padrões doentios equivalentes.

Quem já não ouviu a famosa frase: “A família é a Base de Tudo”?
Realmente é.
Inclusive dos seus problemas.

Essa série de postagens não visa pregar a desagregação familiar.
Muito pelo contrário: se você tem uma família parcialmente saudável, que lhe proporciona mais momentos de alegria do que de desespero, que lhe faz rir, que lhe diz que tudo vai estar bem, seja lá o que você estiver passando, que se preocupa quando você adoece, que não menospreza seus sonhos, seus gostos, seus desejos, que é capaz de comprar uma briga por você mesmo e com você mesmo pra impedir que você faça algo de que irá se arrepender amanhã, se te enxergam como um filho de Deus que nasceu com um propósito além do que eles possam vir a compreender e mesmo não gostar, e mesmo com todas as diferenças e brigas e rusgas você possa dizer com certeza:

“Eu amo minha Família porque ela é uma das melhores coisas da minha vida!”
mesmo que essa família seja composta de 3 pessoas, sendo uma delas um pet ou uma samambaia, você realmente deve se prostrar agora e dar graças aos céus pela graça que você recebeu.

Saiba: você é uma das pessoas mais ricas da face da Terra!
O que você tem, dinheiro nenhum compra e nada é capaz de substituir.
Parabéns! Use sua vida de forma a aproveitar ao máximo cada minuto que puder passar na companhia dessas pessoas, pois nada é eterno, e quando Anjo Certeiro vier buscar um de vocês, assegure-se de que não haverá arrependimentos.

Agora, se você faz parte da estatística dos infelizes que precisam sobreviver entre inimigos que levam o rótulo de parentes, vamos ter uma conversa séria nas próximas 3 postagens abordando os pontos mais cruciais dos relacionamentos familiares: cônjuges, pais e filhos.

Infelizmente, com a desculpa de que “é karma” muita gente aceita o cativeiro de bom grado, acreditando que é “seu papel” SALVAR a pátria familiar.
Meus irmãos: nem Jesus Cristo salva se você não fizer sua parte (e cada um a sua)!
Não viva na ilusão do “um dia isso vai mudar!”
Enquanto você espera, a vida passa.

INVESTIR nos relacionamentos é obrigatório de quem pretende vir a ter uma convivência sadia de qualquer tipo com qualquer pessoa, e disso fazem parte os sacrifícios, sim, a abnegação, a doação.
Mas todo investimento tem que dar RETORNO!
Se você aplica dinheiro num investimento e ele não está rendendo, o que você faz? Espera pra ver se muda a maré?
Ok, não vamos nos precipitar. Tudo na vida tem períodos positivos e negativos.
Agora, depois de 5, 10, 15 anos você continua investindo, sem retorno e ao invés disso PERDENDO?
Esperando que uma hora melhore?!?!?

SE você não faz isso com dinheiro, por que faz com sua VIDA, que é muito mais valiosa?

Cada relacionamento que tentamos manter demanda nossa energia, sabedoria, paciência, afeto, cuidado, etc etc etc.
NO nosso plano, esses “bens do Espírito” não são inesgotáveis, pois estão sujeitos ao ego que canaliza uma quota dos atributos do espírito para esta vida a fim de que você conduza-se por esta experiência encarnatória, Eles precisam ser reabastecidos de alguma forma; ou seja, a não ser que você seja um avatar, de onde você está tirando para dar a outro estará faltando para você mesmo se não houver um equilíbrio nessa conta, você entrará no vermelho. Muitos procuram abastecer suas quotas através da religião, da meditação, do auto-aprimoramento, e isso tudo de fato ajuda, mas, lembre-se:
Inadimplência Energética, Afetiva, Moral, Mental leva à FALÊNCIA do seu próprio plano de vida.

Algumas pessoas gostam de pensar que ‘resgatar’ alguém é sua missão de vida. Nem eu nem ninguém podemos validar ou invalidar isso.
Entretanto, se você pensa assim, te convido ainda mais a ler essa série de postagens, só para que você possa ter a oportunidade de analisar sua situação por outra ótica e então confirmar para si mesmo se aquilo que você acredita que deve ser seu FOCO nessa vida está mesmo de acordo com as Leis da Vida.
Você topa?
Então, vamos lá!
Curta a página “Amor é Seu Destino” https://www.facebook.com/Amor.Magia.Destino e opte por receber notificações no menu Curtir.

Até amanhã, quando teremos a 2ª parte dessa conversa!


Nenhum comentário:

Postar um comentário